Capa Entre o Amor e o Silêncio

Edição: 2
Editora: Novo Século
ISBN: 9788542805542
Ano: 2015
Páginas: 504

Sinopse

Francesca Wiggs sofreu uma grande decepção amorosa e, desde então, está decidida a não se relacionar mais. Além de se dedicar a escrever o seu livro, ela resolve preencher os dias com um trabalho voluntário – a leitura para pacientes em coma proporcionaria a ela a distância de problemas afetivos. No entanto, um grande imprevisto ocorre quando ela passa a se sentir atraída por um dos pacientes. Mitchell, descrito como um poderoso magnata, seria a antítese de tudo o que ela busca em um homem… se não estivesse em coma. Precisar de alguém inconsciente seria um absurdo, não seria? Amar uma pessoa que nunca responde parece loucura! Francesca já havia entendido e sentia-se quase segura diante disso. Mas e se Mitchell acordasse? A aproximação desses personagens tão diferentes revela um romance encantador e divertido, repleto de reviravoltas.

Adicione aos seus desejados no Skoob

Adquira o seu: Amazon |Ebook Amazon | Saraiva |Submarino

 

 

Impressões

 

Francesca sempre esteve em busca de algo que a completasse, nos livros que lia nas peças em que atuava e nos escassos relacionamentos que teve, agora, depois de descobrir a traição de seu quase noivo ela decide fazer trabalho voluntário em um hospital para tentar esquecer suas dores, ela encontra Mitchell, um homem de sucesso que está em coma ela lê o livro que está escrevendo para ele e não imagina que isso vai transformar profundamente a vida dos dois.

Entre o Amor e o Silêncio é narrado em 3° pessoa e assim podemos conhecer profundamente todos os lados da trama e o que pensam e sentem os dois protagonistas, com 528 páginas divididas em 77 Capítulos, um prólogo e um epílogo somos apresentados a uma história compungida, única e arrebatadora.

Francesca sempre sofreu pelo abandono do pai, mesmo agora com vinte e poucos anos ela se ressente dessa falta, e mesmo com todos os seus problemas, seguiu com a sua vida,se formou, namorou , procurou várias atividades para preencher seu vazio interior, como o teatro e a dança e agora decidiu colocar o seu maior sonho em prática, que é ser uma autora e lançar seu primeiro livro. Quase noiva de seu atual namorado, ela o flagra com outra mulher e isso a deixa muito desnorteada, ela encontra a solução para a seus sentimentos confusos em um trabalho voluntário no hospital, ler para pacientes em coma e acha que é a maneira perfeita para dar um tempo de tudo o que anda acontecendo e ainda ter uma audiência para seu novo livro.

Ok, isso era meio estranho e um pouco assustador, mas era algo como as respostas silenciosas. Ela não ouvia, nem mesmo dentro de sua mente, entretanto sente algo que parecia entender. A ligação estranha era dessa maneira: ela não via, não podia provar nada, não era tangível. Apenas sentia.”

 

Mitchell é um mega empresário do ramo de finanças que é completamente workahollic, ele trabalha muitas horas por dia, não tem tempo para a família e para o lazer, mas gosta estar em companhia das mulheres mais lindas do mundo, mas todas elas sabem que esses relacionamentos são meteóricos e sem nenhuma cobrança, ele acha que é feliz assim, ganhando dinheiro e sem se envolver com ninguém, até que sofre um acidente e fica em coma, por meses, praticamente sozinho no leito no hospital. Isso seria o suficiente para qualquer um parar e repensar sua vida, mas não Mitchell, ele sai praticamente do coma para o escritório, mas muita coisa mudou em seu interior, só que ele ainda não se deu conta disso.

Francie lê para aquele homem como se ele estivesse ouvindo e se compadece de sua solidão, ela acha um absurdo ninguém visitá-lo e acaba pesquisando tudo sobre sua vida, e nesse processo se envolve com ele como nunca se permitiu envolver com homem nenhum, pois é ele está em coma e ela acaba se apaixonando, ela sente uma ligação com ele que nunca sentiu com ninguém, mas ele acorda e não a reconhece e isso mexe com todos os seus problemas de rejeição, e ela não sabe como lidar com mais uma decepção, mas segue em frente mais uma vez, só que agora com a ajuda da avó que nunca conheceu, e que mesmo falecida muda sua vida colorindo-a com cores vibrantes e uma realidade alegre e cheia de pessoas queridas.

Contudo, depois de todos esses meses ao lado desse homem em um Box de hospital, depois de vivenciar todos os sentimentos suscitados por esse estranho “relacionamento”, ela não é mais a mesma, a conexão entre eles é muito forte, mas ela precisa esquecer, em contrapartida, Mitchell começa a sonhar com uma voz sem rosto e a pintar cenas que nunca vivenciou, ele fica intrigado, mas tudo isso é um mistério para ele, até que ele encontra um livro a venda, de uma jovem escritora narrando cada uma daquelas cenas que ele sonhou e pintou e então precisa ir atrás dela.

Acho que contei muito do livro, mas pasmem isso não é nem o começo dessa incrível história escrita pela Babi A Sette, uma narrativa extremamente poética, eu demorei a me deixar envolver por ela,mas quando me rendi,comecei a sentir uma miríade de emoções intensas e insanas, sim, o livro fez isso tudo comigo e fica difícil explicar tudo o que senti.

Essa não é somente um livro de romance água com açúcar para mulheres, existe todo um questionamento do que estamos fazendo com as nossas vidas, nos importando mais com ter do que sentir e isso toca profundamente na gente, estamos na era do consumismo, da pressa, do correr sem ter tempo para vivenciar os pequenos e lindos milagres da vida e acompanhando a história de Francie e Mitchell a gente é forçado a refletir sobre tudo isso.

Os protagonistas são completamente opostos, mas se identificam como almas gêmeas, mesmo depois da grosseria de Mitchell ao despertar, eles sentem uma atração avassaladora e não podem fingir que nada está acontecendo, mas os sentimentos são muito mais profundos entre eles, e os dois acabam se jogando em uma viagem romântica para se conhecerem e entenderem como podem sentir tanto e tão intensamente esse amor mesmo sem nem se conhecerem direito.

As fragilidades do ser humano são amplamente abordadas nesse livro, à carência, o medo, a insegurança, a necessidade de vingança e de vencer estão presentes em cada trecho do livro e nos identificamos mais a cada momento com os personagens, uma hora os odiamos e no outro estamos chorando com e por eles.

Ele se sentiu vivo como há muitos anos não se sentia. Nem se lembrava se já tinha se sentido assim, como se algo o tornasse… pleno?”

A bolha de amor dos dois dura pouco, pois é muito difícil para Mitchell mudar velhos hábitos, e esquecer sentimentos profundamente arraigados e os dois se perdem um do outro, então Mitchell terá que refletir e começar uma transformação profunda, que deveria ter sido iniciada assim que ele saiu do coma, e reavaliar o que é mais importante para ele. A trajetória desse personagem é extenuante, mas inspiradora, vemos as muralhas que ele construiu em volta de si mesmo ruírem pouco a pouco, mesmo sem seu consentimento e isso faz com que nos apaixonemos ainda mais por ele.

Morria um pouco a cada dia e me enterrava muito por dentro. Uma morte a cada respirar, uma morte a cada pulso que drenava o sangue sem me deixar seco. Até que eu não senti mais. Até que tudo foi embora – a lucidez das cores que eu tentei, o vento da música que me estruturou -, tudo partiu de mim. O pulso continuo forte, mas era apenas um vazio. Nada. Eu pairava entre um impulso frenético da consciência morta e a ânsia incontrolada de busca a própria aniquilação. Eu afundei dia a dia em um estado de coma consciente.” 

 

 

– Sim. Oh, Deus! – ele disse sorrindo. – Apesar de não acreditar, imagino que se Deus existe, tem algo haver com isso. – ele segurou o rosto dela entre as mãos. – Você se apaixonou por mim uma vez. Acho que foi mais facil porque eu não estava lá, acordado estragando as minhas chances. 
  Ele tocou o lábio inferior dela com o indicador.
– Eu quero conquistar você outra vez, deixa?”

Dois personagens fortes em suas fraquezas, muito bem construídos, que acertam e erram, mas que encontram o caminho para a felicidade através do sentimento mais redentor que eu conheço: o amor.

Acho que nunca falei como amo seu silêncio. Seja enquanto você está dormindo, ou apenas calada, ou quando acabamos de fazer amor e você coloca a cabeça em mim e permanece quieta. Existe alguma coisa em seu silêncio que me faz entender o que não se explica”

Nem preciso dizer que virei fã da autora e lerei tudo o que ela escrever, e indicar a todos que precisam de um momento de reflexão, ou até mesmo para aqueles que só precisam de um pouco de amor e inspiração em suas vidas.

 

 

Ficaram assim por um tempo sem medidas como silêncio. A cumplicidade e o amor falaram na Quietude que pertence a eles.”

Se você se apaixonou por esse romance,leia o spin off que a autora escreveu como um presente aos seus leitores.

Bianca Benitez height=

Quem Escreve

Bianca Benitez 38 anos,técnica de enfermagem,cursando Letras,mãe e faz malabarismo para ler no intervalo disso tudo.Apaixonada por literatura erótica,romances de época, romances históricos e chick Lit.

 

 

assinatura.fw

8 respostas a [Semana Especial][Resenha]Entre o Amor e o Silêncio de Babi A. Sette #4!!!

  • Olá Bianca, a um tempo venho namorando esse livro. Primeiro confesso que me apaixonei pela capa, mas depois de ver tantas resenhas sobre ele fiquei com muita vontade de lê-lo. Me parece um romance bem realista, com desafios a serem superados. Gosto de histórias assim, pois na realidade da vida nada é perfeito. Sempre vejo muitos elogios para a autora.
    Com certeza lerei ele, e espero que em breve!
    Bjus

  • Licavargas disse:

    Primeiro de tudo… Essa capa é muito linda!!!!
    Acho que o livro começa valendo muito só por ela 🙂
    Lendo sua resenha, fiquei feliz em saber que os personagens são fortes, mesmo tendo suas fraquezas. Acho que isso os deixa mais reais.
    E outra… Gostei desse toque de eles sentirem tanto um pelo outro mas quererem se conhecerem para tentar descobrir o porque de tanto sentimento por alguém que mais conhece. Esse é um detalhe que muitos autores esquecem e isso me deixou empolgada em querer ler o livro 🙂
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

  • oi Biiiiii! Eu estou louca para ler os livros desta autora. Acho que ela tem um dom para escrever romances e os livros dela são lindos e só elogiados. A história deste parece ser linda demais com a questão da leitura para um paciente em coma e tudo o mais e é longo em páginas né, espero que tenha muita coisa para contar mesmo.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    http://www.blogandolivros.com

  • Michele Lopez disse:

    Olá,
    Adorei a premissa do livro!!! Ainda não conheço a escrita da Babi, mas já ouvi falar muito bem.
    Fiquei bem curiosa para conferir de perto esse relacionamento que vai surgindo entre os personagens e como isso irá acabar.
    Fico muito feliz que o que nos trouxe é apenas uma pequena parcela do que iremos encontrar na obra e que os personagens são muito bem construídos sendo fortes em suas fraquezas.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

  • patricia disse:

    Mesmo não sendo um tradicional livro de romance água com açúcar, ainda assim é um romance, então não acho que um dia eu irei ler. Não curto muito esse tipo de livro, então raramente os leio. Mas para quem curte, esse livro deve ser realmente bom.

    bjs.

    ww.ciadoleitor.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Editoras parceiras

Romance Histórico na Amazon
PageRank