profundo

Edição: 1
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580415179
Ano: 2016
Páginas: 320
Tradutor: Cassia Zanon

Sinopse:

Caroline Piasecki vê sua vida se transformar em um pesadelo quando o ex-namorado espalha fotos dela nua na internet. De uma hora para outra, sua reputação é arruinada e o futuro promissor que a aguardaria após a faculdade já não parece tão garantido. Desesperada, ela tenta fazer com que as imagens sumam da rede e, ao mesmo tempo, procura se defender da multidão de pessoas que a julgam.

Um dia, quando um cara que ela mal conhece sai em sua defesa e dá uma surra em seu ex-namorado, tudo muda. À primeira vista, West Leavitt é a última pessoa de quem Caroline deveria se aproximar – ele tem um ar sombrio e ganha a vida de forma ilícita. Ela, por sua vez, é o tipo de garota que West sempre tentou evitar. Rica e privilegiada, jamais entenderia as dificuldades pelas quais ele já passou.

Mesmo com todas as diferenças, os dois se tornam amigos. Com Caroline, West sente que fará de tudo para ser um homem melhor, e ela encontra nele a força para reagir. Quando parece impossível resistir à paixão avassaladora, West e Caroline descobrem que às vezes a única opção que resta é ir mais fundo.

Adicione aos seus desejados no Skoob 

 

 

 

Impressões

Caroline Piasecki é uma boa menina. Ela tem a sua vida organizada e quase que milimetricamente planejada… Ou seja, ela é uma garota comum. Até o dia em que tudo muda, quando sua vida simples começa a ser destruída apenas com cliques na internet. Ela sabia que não deveria ter deixado o namorado tirar aquelas fotos íntimas, mas Caroline o amava e confiava nele. Ela nunca imaginou que após o rompimento ele fosse divulgar fotos íntimas e comprometedoras na internet.

Como uma jovem ainda na faculdade, com toda a sua vida pela frente lida com esta incrível quebra de confiança e intimidade? Caroline se fecha em si mesma, tem problemas para dormir e sempre que fecha os olhos ouve palavras vulgares e violentas direcionadas a ela de todos os homens estranhos com quem esbarra enquanto anda de uma aula para outra. Vulnerabilidade, decepção e sensação de sonhos extintos são os sentimentos que a dominam e a paralisam.

West Leavitt é um bad boy. Ele não tem medo de dar um soco, vende drogas, seu passado e família não são exatamente um exemplo de imagem perfeita. Mas ainda sim algo atrai estas duas pessoas quebradas uma para a outra. Embora os dois tenham diversas razões para ficarem bem longe do outro, eles acham que são os únicos capazes de se confortarem. Mas o que acontece quando algo que você quer não é algo que você precisa ou pode ter?

Este livro conta com uma narrativa em ritmo lento, alguns leitores podem achar esse fato contrário à proposta do livro, mas não, eu devorei cada palavra da história e fiquei encantada e apaixonada pelo estilo da autora e mais ainda pelo fato da trama ter sido escrita pelos pontos de vista de Caroline e o do West.

Sabe quando você pega um livro para ler, e, de repente, as palavras começam a ficar desfocadas nas páginas e simplesmente toda a história se tornar um filme que fica sendo exibido continuamente em sua mente? Profundo causou esse efeito em mim. Veja bem, eu estava esperando ansiosamente um livro quente, apenas esperando o momento em que West e Caroline iriam finalmente dar vazão para a tensão sexual que fluía entre eles como uma corrente elétrica, mas Robin York me deu muito mais, ela me mostrou como é possível se reconstruir e se reerguer depois de um trauma ou uma decepção, ela me ensinou como encontrar a força dentro de mim em um momento de adversidade e claro, que o amor realmente nos ajuda, acalma, e nos auxilia a reencontrar quem realmente somos.

Robin York escreveu uma história comovente, emocionante e incrível sobre dois personagens quebrados. Em 400 páginas, ela os levou através de uma viagem comovente, difícil, sofrida, mas totalmente empática ao leitor. Eu amei ver Caroline florescer, cada vez mais forte e, finalmente, se encontrar no final. Você não consegue deixar de torcer por ela, que é uma daquelas personagens que é perfeitamente imperfeita e isso a deixa muito próxima da gente, Caroline poderia ser uma amiga da escola, faculdade ou do trabalho, aprofundando assim, ainda mais o envolvimento com a trama e os personagens.

West. Agora o que eu posso falar sobre o West? Eu caí de amores por ele quase que na velocidade da luz, meu coração se partia mais um pouquinho a cada pedaço revelado do seu passado. Ele é a combinação perfeita de vulnerabilidade e força, aspereza e suavidade e tudo isso embrulhado em um delicioso pacote cheio de músculos e muita testosterona e um rosto de tirar o fôlego.

Eu queria muito ter uma conversa com a autora para que ela pudesse entender o quanto esse livro foi impactante para mim, a partir do minuto em que eu comecei a ler, ele me ganhou. Eu estava familiarizado com todas as notícias de mulheres, jovens ou não, que foram vítimas ex-namorados que fazem esse tipo de retaliação virtual. Todo dia vemos nas redes sócias fotos e vídeos em que meninas são expostas por pessoas que supostamente deveriam amá-las e respeitá-las e eu agradeço a Deus por nunca ter tido que lidar com qualquer coisa desse tipo.

Bem, como pessoas e especialmente mulheres, acreditamos e confiamos. Acreditamos que os homens com quem compartilhamos nossa vida íntima serão bons; que eles irão entender quando as coisas começarem a mudar e a gente sinta a necessidade de seguir em frente… Mas como o livro magistralmente mostra, essas coisas nem sempre acontecem e é sempre a mulher que carrega os sentimentos de culpa e vergonha.

Então, com toda a compreensão que eu tinha sobre o assunto, a autora me obrigou a ir mais fundo, em seguida, me presenteou com a mais bela e complexa história de amor a partir desse tema tão doloroso. A profundidade dos personagens West e Caroline foi de tirar o fôlego de uma forma crível e especial, incluindo os personagens secundários na equação e não apenas como se eles fossem parte do cenário. Robin York conseguiu fazer com que eu me sentisse como se estivesse de fato naquela padaria, experimentando o cheiro de pão fresco que saia do forno. E o mais importante, eu senti a emoção, angústia e paixão do primeiro amor e tudo o que isso envolve… Arriscar o coração… Arriscar ser constrangido… Arriscar tudo o que os personagens acreditavam ser necessário se manter agarrados… Para vê-los voar e sentir a agitação da conexão amorosa profunda e intensa.

Profundo é indicado a todos os fãs de romances, os que amam quando as histórias são recheadas de sensualidade e também para aqueles que querem se envolver profundamente em uma trama completa e bem escrita.

 

Livro gentilmente cedido por

arqueiro

 

 

Bianca Benitez height=

Quem Escreve

Bianca Benitez 37 anos,técnica de enfermagem,cursando Letras,mãe e faz malabarismo para ler no intervalo disso tudo.Apaixonada por literatura erótica,romances de época, romances históricos e chick Lit.

 

 

 

assinatura.fw

8 respostas a [Resenha] Profundo de Robin York !!!

  • Olá, tudo bom?
    Quando a Arqueiro fez aquela blogagem coletiva, fiquei muito curiosa para realizar a leitura deste livro, mas, resolvi esperar resenhas sobre o mesmo antes de adquiri-lo. Fiquei muito curiosa quanto ao desenvolvimento da temática e extremamente encantada com sua resenha! O carinho com que falou desse livro só me deu mais vontade de realizar a leitura. É tão bom quando uma história mexe com a gente ao ponto de parecer que se passa um filme em nossa cabeça, não é mesmo? E que bom que a narrativa mais lenta só acresceu mais valor a leitura! Parabéns pela resenha, me deixou com muita vontade de ler este livro imediatamente ^^’
    Beijos!

  • Olá.
    Estava gostando ate a parte que aparece um cara para defendê-la. Gosto de livros com drama, sobre bullying, coisas desse tipo. Se esse romance fosse, pelo menos, secundário em.grau de importância eu o leria.

  • Tânia Bueno disse:

    Oi Bianca,

    Gosto quando o livro traz a visão dos dois protagonistas. Agora que coisa horrorosa e atual essa de fotos intimas na internet, hoje em dia não se pode confiar em ninguém com relação a intimidade, isso é muito ruim. Imagino na trama o que a protagonista não sofreu.
    Amo quando os livros trazem muitos ensinamentos ou pontos para reflexão e lendo a resenha pude perceber que este livro é assim.
    Parabéns pela resenha!

    Bjo
    Tânia Bueno Faces

  • Estou de queixo caído pela sua resenha, sério!
    Um assunto polêmico, atual e que na história foi tratado de maneira tão magistral, e compreendi isso somente lendo sua opinião.
    Quero muito ler, já estou aqui surtando, pois a Arqueiro lança tanta coisa linda que ficamos baratinadas, quero o livro pra ontem, como faz?
    Parabéns, Bianca, essa foi uma das resenhas mais lindas que li aqui no seu blog.
    Beijão!
    Vivi

  • Olá, já tinha visto a sinopse desse livro e tinha ficado bastante interessado. Gostei bastante do tema que ele aborda, pois ainda não li nenhum livro do gênero que tratasse desse assunto. Fiquei ainda mas empolgado depois de ler essa sua resenha, parabéns. Beijos, Luan. 😉

  • Olá Bia!
    Desde que vi esse lançamento fiquei ansiosa para conhecer a história. Vi várias blogagens coletivas falando sobre o tema que é abordado na história e foi aí que me apaixonei pelo livro. Ainda não tive oportunidade de ler, mas o farei em breve e espero me encantar assim como vocês.
    Sua resenha está maravilhosa e me deixou super curiosa para ler o livro.
    Beijinhos!

  • Oi, geralmente livros desse tipo eu não leria, mas esse eu leria, acho que a sinopse e sua resenha me cativou e acho que o fato de Caroline passar por um cyber bullying é um assunto bem pertinente e importante de ser retratado nesse tipo de livro, além da pitada de romance e o crescimento do relacionamento da Caroline e o West.
    Gostei da resenha.
    bjus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Editoras parceiras

Romance Histórico na Amazon
PageRank