O Dia em que Atirei no Cupido

 

Edição: 1
Editora: Seoman
ISBN: 0
Ano: 2013
Páginas: 184

 

Sinopse

Jennifer Love Hewitt, como o nome já sugere, é uma mulher que muito sabe sobre o amor. Após viver experiências com alguns relacionamentos que, inclusive, eram alvos de muitas fofocas em jornais e revistas do mundo todo, a atriz resolveu encarar o papel de ‘conselheira amorosa’ e dividir os seus conhecimentos no livro O Dia em que Atirei no Cupido, que agora é lançado no Brasil, pela Editora Seoman. A obra se tornou um best-seller do New York Times. A queridinha de Hollywood conta com muito humor todas as duras lições que passou em suas relações sentimentais e ensina, desde como escolher o homem certo e dispensar os ‘errados’ quanto a sobreviver após o rompimento de um relacionamento mal sucedido. Jennifer também classifica o sexo oposto em três classes: O Machão, O Metrossexual e O Herói, além de listar vários conselhos valiosos, entre eles: 10 Coisas a Fazer antes de um Encontro, 5 Coisas que Você Não Deve Dizer em um Encontro, 10 Verdades Nuas e Cruas Sobre os Homens e as 20 Tarefas Após um Rompimento. O impulso de escrever o livro sobre suas experiências, bem ou mal sucedidas, foi após uma viagem que a atriz realizou ao México, tudo para esquecer o término de um relacionamento. Lá, ela pôde conhecer e conversar com algumas mulheres das mais diferentes idades e estilos de vida, e percebeu que todas elas, cada uma na sua intensidade, tiveram experiências parecidas de encontros e desencontros amorosos. O Dia em que Atirei no Cupido não se trata de uma simples obra de autoajuda para relacionamentos, mas sim a narrativa de uma estrela de Hollywood, que traz à tona suas histórias mais íntimas, para servir de exemplo a muitas mulheres e casais que estão vivendo um romance ou que estão à procura do amor verdadeiro.

 

Página no Skoob

 

 

Impressões por Bianca Benitez

 

A propósito,se você vir um sujeito de fraldinha,continua andando!”

Jennifer Love Hewitt presenteia as mulheres com uma coleção de textos muito bem humorados,com dicas para  situações que  todas nós,mulheres já vivenciamos em algum dos nossos relacionamentos.

O amor é difícil e relacionamentos mais ainda,mas com muita graça a autora nos faz ver onde,como e porque erramos e ainda nos faz dar muitas gargalhadas no processo.Não sou fã de livros de auto ajuda,mas esse lançado pela Seoman,do Grupo Pensamento,eu li em apenas poucas horas e não imaginava que iria gostar tanto,me reconheci em várias situações e esse reconhecimento me proporcionou gargalhadas e reflexão sobre meu comportamento em relação aos homens.

Se você quer rir um pouco das mancadas em sua vida amorosa e ainda descobrir dicas e toques imprescindíveis para um  relacionamento bem sucedido precisa ler esse livro,que foi escrito com  tanta sinceridade e de uma forma tão leve que conseguiu diminuir minha resistência ao gênero e ainda me fazer gostar imensamente da narrativa,se você não como eu,não gosta desse tipo de livro se force a ler O Dia em que Atirei no Cupido,pois não vai se arrepender.

E agora sei que consigo me recuperar de qualquer perda.Às vezes,é nos piores momentos que a gente aprende mais sobre a gente mesma,e quanto mais nos conhecemos menos nos deixamos enganar.”

Dividido em pequenos capítulos com títulos divertidos e impactantes,a autora dá dicas não somente sobre relacionamentos,mas também sobre várias formas de dar a volta por cima,ajudando assim a nós mulheres sermos como queremos ser.

Gentilmente cedido em parceria pelo

grupo pensamento

assinatura.fw

13 respostas a O Dia em que Atirei no Cupido de Jennifer Love Hewitt – Resenha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Editoras parceiras

Mr. Romance na Amazon !!!

Romances de Época na Amazon

PageRank