Olá apaixonados !!

Depois que a Fernanda Baptista terminou de ler Eu Nunca das autoras Mila Wander e Josy Stoque ficou tão apaixonada que queria saber mais sobre o projeto conjunto delas e disso surgiu essa entrevista.

eu nunca e autoras

1) Como foi que vocês decidiram escrever um livro de forma conjunta? A decisão de quem escreveria que personagem foi fácil?

 Mila: Eu já queria escrever com a Josy há algum tempo, então tive a ideia para um enredo e compartilhei com ela! A decisão foi superfácil porque a Pauline é a CARA da Josy, é o tipo de “mocinha” que a Josy é expert em criar.

Josy: Faz um tempo já que a Mila sugeriu, mais ou menos um ano, mas nossas carreiras estavam em constante mudanças, os projetos se sobrepondo e não conseguimos conciliar nosso tempo até o fim do ano passado, quando as duas estávamos em um período parado até demais. A decisão de personagens foi bem simples e fácil, na verdade. Pauline (eu que lhe batizei, inclusive, e criei toda sua história e conceitos de vida) veio naturalmente para mim, por ser o tipo de mocinha que eu gosto de escrever. Protagonistas femininas loucas e controversas é comigo mesmo. Já mocinhos fofos, gentis e apaixonantes é especialidade da minha amiga.

 

2) Como surgiu a história dos dois percorrendo o Brasil?

Mila: O enredo que veio na minha cabeça era de uma história sobre um casal que ganhava na loteria e viaja por todo Brasil, então a gente já sabia que isso aconteceria desde que começamos a construir toda a trama.

Josy:  Foi a ideia inicial de Mila: dois opostos, ele virgem e ela liberal, ganham um prêmio milionário e viajam pelo Brasil para gastar a grana. O resto a gente criou juntas.

3) Quem fez o roteiro?

 Mila:  Eu tinha o enredo mais ou menos construído, mas o roteiro nós duas criamos. Passamos um mês conversando bastante sobre a história até decidirmos começar a escrever.

Josy :  Eu, sou organizada (Mila diz isso), mas prefiro admitir que tenho TOC e sem um “documento” onde eu possa me consultar durante a escrita não funciono muito bem. De qualquer forma, a gente precisava anotar as ideias que eram elaboradas, sempre, de maneira conjunta, elas vinham depressa e não podia haver furos no enredo porque não estávamos bem conversadas. Pesquisamos previamente, também, os lugares mais exóticos e intrigantes do país para incluir no itinerário da viagem e, conforme a história foi pedindo durante a escrita, a gente escolhia um destino.

4) Vocês já visitaram algum dos lugares descritos no livro?Quais?

Mila : Sim!! Recife e Porto de Galinhas (clarooo!), João Pessoa, Rio Grande do Norte, Fortaleza, São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro e Belo Horizonte!

Josy :  Sim, alguns. No meu caso: Brasília, São Paulo (infelizmente não conheço o Hopi Hari, mas fui ao antigo Playcenter), Rio, Curitiba e Belo Horizonte.

 

5) Como foi a pesquisa sobre os lugares que os personagens visitariam e a cultura peculiar de cada localidade?

Mila : A pesquisa foi muito prazerosa de ser feita, apesar de trabalhosa também. A gente encontrava cada coisa maravilhosa! Nos encantamos por cada lugar que eles passaram conforme a gente ia escolhendo os destinos do roteiro. Muita coisa pra gente foi novidade, e fizemos questão de descrever cada detalhe para que o leitor se sentisse dentro da viagem!

Josy : Extensa e rica. Blogs de mochileiros e de turismo ajudaram muito na pesquisa, nos dando detalhes de quem vivenciou a experiência que queríamos escrever.

 

6) Como foi escrever a perda da virgindade sob o aspecto masculino?

Mila : Foi diferente, mas muito bom! Gosto de me desafiar e o Joseph foi um desafio delicioso. Eu entrei “na pele” dele com muita facilidade! A gente teve muita sintonia. Joseph e eu temos muitas coisas em comum.

Josy : Não vou responder essa porque não fui eu que escrevi o Joseph (risos). No entanto, a cena da perda da virgindade em si, foi pelo POV da Pauline, porque era a experiência mais importante que ela estava lhe proporcionando.

7) O que vocês fariam se ganhassem na loteria?

 Mila: Com certeza viajaria para todos os destinos que Joseph e Pauline visitaram. Josy e eu já fizemos uma promessa, quem ficar rica primeiro vai patrocinar essa viagem!

Josy:  Eu, com certeza, viajaria o Brasil inteiro, visitando o roteio de Joseph e Pauline com uma turnê especial de “Eu Nunca”.

8) A dupla tem outros projetos para o futuro?

Mila: Não pretendemos fazer uma continuação para Eu Nunca, mas pode rolar outras histórias. Quem sabe? Primeiro vamos cuidar de nossos projetos individuais, depois vamos pensar em mais uma aventura maluca!

Josy:  Por enquanto, nossas obrigações editorais não nos possibilitarão escrever juntas de novo, porém, é uma experiência que gostaríamos de repetir, com certeza.

 

Por:

12746216_10204668248141114_1320748935_n (1)

 

 

 

 

Carioca, 43 anos, ariana, mãe de gêmeos, chocólatra, leitora voraz e adoro um evento literário.

 

 

 

 

assinatura.fw

6 respostas a [Entrevista] Mila Wander e Josy Stoque – Eu Nunca !!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Editoras parceiras

Confesse na Amazon !!!

Romances de Época na Amazon

PageRank