Back to top

A Semana na 2° Literart em São Pedro da Aldeia #3

 

Eu sei que a feira acabou faz tempo,mas a vida louca,doença e alguns contratempos me atrasaram na confecção deste post,mas eu precisava contar a vocês como foi a participação do autor Eduardo Spohr na feira,e vou avisando,o post vai ficar enorme,pois o autor contou muita coisa legal durante o bate papo e eu não vou deixar nadinha de fora.

 

Ele começou falando sobre o livro Filho do Éden,que é o 1° livro de uma trilogia,e é o mais dinâmico.

Contou também sobre a publicação de Batalha do Apocalipse,que foi por conta própria,e começou as vendas pelo site Jovem Nerd e somente depois do sucesso na internet as editoras se interessaram pelo livro dele.

A capa deste livro foi uma arte feita por um amigo,que ele gostou muito,mas não era para Batalha do Apocalipse,mas que retratava tão bem o clima do livro,mesmo sem retratar nenhum personagem em particular,mas sim a atmosfera da história, que ele acabou usando ela.

A inspiração para o livro foram seus questionamentos sobre as divergências entre  ciências e religião sobre a criação do mundo.

Ele contou que escreve seus livros os visualizando como um filme e que isso acaba transformando o processo criativo.

O autor fala muito na “Jornada do Herói”,que é o modo dele de escrever e descobriu esse  modelo assistindo a Stars Wars e outros filmes,e que todos nós vivemos várias “jornadas do herói” durante a vida.

Sobre Anjos da Morte o 2° livro da Trilogia Filhos do Éden,ele está em fase de crianção,que o seu processo é demorado,dure em média 01 ano,e que ele precisa  do áudio-visual e músicas que combinem com o que ele está escrevendo.

Eduardo externou a vontade de escrever sobre a era medieval e ficção científica e disse que tem vontade também de escrever um romance histórico.

Minhas impressões sobre o autor é que se trata de um gênio,nerd,óbvio,tímido,mas com uma capacidade mental extraordinária,e com capacidade criativa tão grande que as vezes você percebe que enquanto ele fala,sua mente trabalha de forma tão rápida que ele se perde,com toda certeza ele deve ter vários projetos ao mesmo tempo e é bastante hiperativo.

Ele deu várias dicas para quem quer escrever e disse uma frase bem legal que ficou marcada na minha cabeça: “Nunca vai haver uma história igual a sua”,pois duas mentes nunca vão pensar a mesma coisa,mesmo que o temas seja igual,as histórias serão diferentes,e surpreendeu a todos declarando que para ele escrever é muito difícil!!!!O autor se declarou fã dos blogs literários,que acha muito importante o trabalho deles,assim como as redes sociais que dão oportunidade a todos opinarem  sobre livros e filmes.

Foi um bate papo muito interessante,fiquei mais fã ainda da pessoa Eduardo Spohr,pela inteligência e humildade,além de ser um gênio e ótimo escritor.

O último dia da feira foi fechado com chave de ouro com este autor que tem muita coisa a acrescentar ao mundo literário.

Após o bate papo,rolou a sessão de autógrafos mais disputada da feira e claro estávamos lá.

Site do autor Filosofia Nerd
                      Jovem Nerd

Site do livro A Batalha do Apocalipse AQUI

 

 

E como esse é o último post preciso agradecer a quem tornou essa feira possível:

 

Luiza Mendes – Coordenadora de Projetos educacionais.

Alanna Santos Fraia – Secretária Municipal de Educação

Renato Trindade  e Flávia –  Sabor & Saber

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *